Terça, 26 de Outubro de 2021
83 9 9869-1587
Cidades Mortes por Covid

Com três mortes em um dia, Patos chega a marca de 200 óbitos por Covid-19

Desde o início da pandemia, 11.544 já foram diagnosticadas com o novo coronavírus em Patos.

05/06/2021 07h18 Atualizada há 5 meses
Por: Redação Fonte: Notícia Paraíba
Com três mortes em um dia, Patos chega a marca de 200 óbitos por Covid-19

A cidade de Patos, Sertão da Paraíba, atingiu a marca de 200 pessoas mortas por complicações causadas pelo novo coronavírus. Somente nesta sexta-feira (4), três mortes foram confirmadas na cidade e duas delas, de figuras públicas.

O primeiro óbito confirmado foi do radialista Fábio Diniz. O comunicador apresentou os sintomas da doença no final do mês passado e devido ao agravamento dos sintomas, foi levado para Complexo Hospitalar de Patos no dia 31 de maio. O estado de saúde foi ficando mais delicado e o radialista precisou ser levado para a Unidade de Terapia Intensiva, onde chegou a ser intubado, na tarde desta quinta-feira (3) ,mas não resistiu as  complicações do novo coronavírus e faleceu.

Selma Guedes, de 40 anos, esposa de Fábio, também foi contaminada e está se recuperando.

Fábio atuou em várias emissoras da cidade, como Rádio Itatiunga, Arapuan e integrou a equipe do Caso de Polícia Interior, da TV Tambaú. Fábio era conhecido como o repórter “Metralhadora da Notícia”, devido às suas coberturas policias no sertão paraibano.

Logo e seguida, foi anunciada a morte do secretário de Saúde de Patos, Eisemhorwer Segundo Brito. Segundo tinha 42 anos e foi internado no dia 27 de maio  no Complexo Regional Hospitalar de Patos, com sintomas respiratórios graves. Devido a gravidade do estado de saúde, ele precisou ser transferido para o Hospital das Clínicas, em Campina Grande. Ele chegou a ser levado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde ficou intubado durante por vários dias com comprometimento de 90% dos pulmões, mas não resistiu e faleceu.

Eleito vereador de Patos em 2020 pelo partido Republicanos, foi o 3º mais votado na cidade, com 1.190 votos. Porém, assumiu o cargo à frente da secretaria de Saúde do município desde o início do mandato.

Patos já perdeu grandes nomes para a doença. Um deles foi o ex-prefeito, Ivanes Lacerda, que morreu no dia 25 de janeiro vítima da Covid-19. Ivanes tinha 66 anos, era médico e contraiu a doença nos últimos dias de seu mandato, inclusive, não comparecendo à posse de seu sucessor, mas seguia em casa sob observação. Em 3 de janeiro, foi até João Pessoa e se internou no hospital, depois de perceber pioras em seu quadro clínico, mas não resistiu e faleceu três semanas depois, conforme apurou o Notícia Paraíba.

 Dr. Ivanes era um político tradicional no município do Sertão paraibano. Foi vereador por cinco mandatos consecutivos e acabou assumindo o Poder Executivo de forma indireta, após um período de intensa instabilidade política em Patos.

Outro ex-prefeito que também não resistiu à doença foi Dinaldo Wanderley. Aos 69 anos, ele foi diagnosticado com a Covid-19 e devido a gravidade dos sintomas precisou ser internado no dia 14 de maio em um hospital particular de João Pessoa, onde chegou a ser levado para Unidade de Terapia Intensiva e intubado, mas também acabou falecendo no dia 24 de maio, conforme apurou o Notícia Paraíba.

Além de ex-prefeito, Dinaldo Wanderley também era ex-deputado estadual.

Segundo a 26º avaliação do Plano Novo Normal do Governo da Paraíba, Patos está classificada na Bandeira Laranja, o que significa funcionamento apenas das atividades essenciais.

Desde o início da pandemia, 11.544 já foram diagnosticadas com o novo coronavírus em Patos.

Leia também:

Quase 130 pacientes com Covid-19 são internados em 24 horas na Paraíba

Secretário de Saúde de Patos morre de coronavírus aos 42 anos

Jornalista de Patos morre aos 44 anos vítima da Covid-19

Justiça da Paraíba pede suspensão do funcionamento das academias e flexibilização do horário de bares de João Pessoa

Justiça suspende decreto de Cabedelo e proíbe funcionamento de academias e flexibilização de bares

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias