Segunda, 06 de Dezembro de 2021
83 9 9869-1587
Polícia Acidente de trabalho

Desabamento de construção que matou mestre de obras será investigado pelo Ministério Público do Trabalho da Paraíba

Paulo Afonso era mestre de obras e estava trabalhando quando a estrutura da construção de uma escola desabou. Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no local.

04/11/2021 09h53
Por: Redação Fonte: Notícia Paraíba
Desabamento de construção que matou mestre de obras será investigado pelo Ministério Público do Trabalho da Paraíba

O Ministério Público do Trabalho da Paraíba (MPT-PB) vai investigar o acidente que deixou um homem morto e outros seis feridos após o desabamento de uma estrutura em construção Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Senador Argemiro de Figueiredo, na tarde da quarta-feira (3), no bairro Catolé, em Campina Grande. 

O Ministério Público do Trabalho da Paraíba (MPT-PB) vai investigar desabamento de uma estrutura de uma escola nesta quarta-feira (3) que matou um homem e deixou mais seis pessoas feridas, em Campina Grande, Agreste da Paraíba. 

Paulo Afonso era mestre de obras e estava trabalhando quando a estrutura da construção de uma escola desabou. Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no local. 

Outras cinco pessoas ficaram feridas e foram socorridas por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e pelos Bombeiros para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. 

O major Manuel Neto, do 2º Batalhão de Bombeiros Militares, disse ao Notícia Paraíba que ainda não há informações do que teria ocasionado o acidente, mas que as causa do ocorrido serão apuradas pelas autoridades. 

Já um dos pedreiros que se machucou durante o desabamento da estrutura disse que a queda aconteceu devido a uma das vigas que não suportou o peso da estrutura e acabou desabando. 

A Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan) informou, em nota, que o acidente aconteceu após a manobra do guindaste que montava a estrutura do ginásio e que toda a assistencia está sendo prestada aos trabalhadores envolvidos no acidente. 

A Polícia Civil deve fazer uma perícia para identificar as causas do acidente. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias