Terça, 25 de Janeiro de 2022
83 9 9869-1587
Polícia Prisão

Homem é preso 23 anos depois de ter cometido assassinato, na Paraíba

Um mês após cometer o crime, o juiz à época decretou a prisão preventiva do suspeito, que fugiu do local e nunca mais foi encontrado.

03/12/2021 05h03
Por: Redação
Homem é preso 23 anos depois de ter cometido assassinato, na Paraíba

“A Polícia Civil não esquece o crime”. A frase comumente usada se encaixa perfeitamente em mais uma prisão realizada nessa quinta-feira, 02 de dezembro, por policiais da Delegacia de Ingá. Após 23 anos foragido, o investigado foi preso e apresentado à justiça.

O crime aconteceu no dia 31 de outubro de 1988, no sítio Gentil, zona rural de Ingá, na Paraíba, tendo como vítima José Bento da Silva, conhecido como “Zé Novo”. Um mês depois, o juiz à época decretou a prisão preventiva do suspeito, que fugiu do local e nunca mais foi encontrado.

Na tarde dessa quinta-feira (2), após meses de investigação em torno de informações que surgiram sobre seu possível paradeiro, a equipe formada pelo delegado Valdélio Lobo, o chefe de Investigação Jocean e o agente Jean foram até o bairro de Jacarapé, em João Pessoa, capturar o homem apontado como autor do delito.

Vinte e três anos velho e absolutamente surpreso com a prisão, o investigado está recolhido na cadeia pública de Ingá, à disposição do Poder Judiciário.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias